Voando baixo. LATAM demite 1,3 funcionários e anuncia terceirização de serviços

Companhia aérea LATAM demite 1,3 funcionários e anuncia terceirização de serviços

 

Boing Latam - Turismo on line

 

A LATAM anunciou a terceirização de três setores dos aeroportos de São Paulo e do Rio de Janeiro. Sindicato denuncia risco na segurança aérea com a precarização das condições de trabalho. A medida atingirá o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, e o Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, no Rio de Janeiro.

Os setores de rampa e limpeza (ground handling), de gestão de equipamentos de solo (exceto aeronaves), e de atendimento a clientes com bagagens perdidas ou danificadas (lost luggage) passarão a ser responsabilidade da prestadora de serviços Orbital/WFS, que já assinou contrato. A Latam afirma que as mudanças estão previstas para a primeira semana de setembro.  O anúncio das mil demissões em Guarulhos foi feito ao sindicato na segunda-feira. No Rio de Janeiro, o corte atingirá cerca de 350 trabalhadores, que também estão mobilizados para evitar o desemprego e a precarização do trabalho.

A Companhia Aérea informa que estabeleceu um sistema de gestão integrado com a Orbital – WFS para assegurar a eficiência e a manutenção da qualidade dos serviços prestados. A companhia também abriu um processo de negociação com os sindicatos envolvidos e não está medindo esforços para realocar internamente o maior número possível de pessoas. A medida não afeta outros aeroportos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *