MTur encerra agenda na Rússia

Ministro Vinicius Lummertz acompanhou o lançamento da ação e participou de reuniões importantes para o desenvolvimento do turismo e da relação com os russos

Por Vagner Vargas, enviado especial

A missão brasileira na Rússia foi cumprida com sucesso pelo Ministério do Turismo. O ministro Vinicius Lummertz retorna ao Brasil nesta quinta-feira (28) após uma série de agendas no país-sede da Copa do Mundo da FIFA 2018. Foram quatro dias de encontros, reuniões e novidades para o turismo brasileiro.

 “Este foi um ciclo importante onde juntamos a imagem do futebol com o turismo para o bem do Brasil, para o bem do nosso desenvolvimento econômico. O turismo é uma das prioridades para que o país possa crescer, gerar empregos e se desenvolver”, declarou Vinicius Lummmertz.

O foco da missão foi o lançamento da campanha “Felizes por Natureza”, feita pela Embratur, com apoio do MTur. O ministro participou do lançamento oficial na segunda-feira (25) e da entrevista coletiva ao lado da presidente da Embratur, Teté Bezerra. Na terça (26), ele acompanhou a invasão brasileira às ruas de Moscou, embaladas pelo sambista Diogo Nogueira, responsável pela festa que mobilizou brasileiros e estrangeiros em pontos icônicos da cidade, como a praça em frente ao Teatro Bolshoi.

O evento foi realizado a bordo de um ônibus de turismo envelopado com o tema da campanha, que acabou se transformando em um verdadeiro trio elétrico. Toda essa movimentação foi acompanhada de perto por torcedores e pela imprensa local e mundial. “Atingimos a mídia russa praticamente por completo. As imagens dos torcedores brasileiros que participam desta grande festa foram mandadas para o mundo todo, atingindo 150 milhões de pessoas. São potenciais viajantes interessados em ir para o Brasil”, afirmou o ministro Lummertz.

Além da campanha, o ministro também teve reuniões importantes em solo russo. Em um encontro com a vice-ministra de Cultura local, Alla Manilova, o ministro Vinicius Lummertz acertou a adoção do mote do Ano do Turismo para as reuniões do BRICS em 2019, quando o Brasil terá a presidência do bloco econômico. Na mesma conversa, Lummertz e Manilova falaram sobre a necessidade de melhorar a conectividade aérea entre os dois países e as negociações já em andamento com empresas árabes.

Ainda na agenda, o ministro se reuniu com o embaixador do Brasil na Rússia, Antonio Luis Espinola Salgado, e com o representante do Escritório de Turismo Brasileiro no país, Diego de Sturdze.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *